a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista

4 de setembro de 2006

SERÁ QUE ESTAMOS NO SEC. XXI ?



Li num jornal diário, que estes Sr's, "excomungaram" os médicos que fizeram abortar uma MENINA de 11 ANOS que tinha sido VIOLADA pelo padrasto. O emplastro em causa, porta voz do Vaticano, chama-se cardeal Trujillo e é o "presidente" do Conselho Pontifício para a Famíla (cargo bem entregue).
Bem, eu li e não acreditei, fui pesquisar melhor e lá estava, tudo escarrapachado, afinal era mesmo verdade. Que moral pode um sacana destes dar a uma pessoa, seja católica ou não, e dizer uma barbaridade destas. Não está em causa a "escumunhão" dos médicos (é por este lado que dormem melhor), está isso sim na estupidez dum gajo, que não consegue sentir a dor que aquela CRIANÇA teve aquando da violação, a dor daquela família, o trauma psicológico da menina para o resto da vida. Não, aquela sacana não tem um pingo de sangue, não tem coração, não tem NADA.......

Aconteceu na Colômbia mas poderia muito bem sêr por cá.........

5 comentários:

xicoxperto disse...

Era levá-lo para a lezíria, ser montado por um touro de cobrição e depois obrigá-lo a parir um vitelo.

Savonarola/JB disse...

É espantoso como a Igreja católica continua a defender teorias medievais. Nesta base, duvido muito que tenha um grande futuro pela sua frente. O problema são as mentalidades: quem conseguirá demover milhões de crentes da sua fé? É neste ponto que os teólogos do Vaticano baseiam as suas armas. Isto recorda-me o fanatismo de outras confissões por esse mundo fora, que defendem conceitos arcaicos. Quem poderá demovê-los?

Da fé para a razão, um grande salto que poucos dão.

jotadias disse...

Se fosse uma "filha" desse sacana ou uma sobrinha ou uma irmã (veja-se a idade da menina) o F...D..P... dizia a mesma coisa?

Se calhar até dizia, mas de certeza que não o fazia.

Quantos abortos, milhares, milhões, sei lá, outras tantas mulheres (algumas casadas) não fizeram e fazem de filhos fabricados por estes tipos?
Para não falar nas freiras.
Não me digam que estas também não gostam.....

Sabemos muito bem de onde vêm "bons" exemplos de pedófilia e quejandros. É só ir a esses seminários, conventos e afins, as histórias são mais que muitas......

Mas o clero, como sociedade semi-secreta que é, nada ou quase nada transparece. E quando transparece é o que se sabe. Porrada, maus tratos, violações, eu sei lá que mais........

Tudo com a complacência do Estado....

Mariazinha disse...

É a hipocrisia no seu melhor.
As damas da melhor estripe de Bogotá vão comungar todos os domingos e têm a oportunidade de fazer abortos em clinicas privadas. É o nosso mundo...

jotadias disse...

E os filhos que os padres fazem às madamas. Das duas uma, ou abortam ou dizem aos maridos que o gajinho/a é deles. Se abortam estão em pecado mas com uma ou duas quecas (com o padre) ficam perdoadas. Se tem o filho que não é dos maridos continuam em pecado, este mortal, e aí tem de continuar a dar o corpo ao manifesto para serem perdoadas de vez em quando...

Que eu saiba os padres não são capados.