a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

9 de outubro de 2007

A MORTE SAÍU À RUA

Faz hoje quarenta anos que os assassinos fascistas da CIA mataram a sangue frio (não tinham coragem para mais) um dos maiores revolucionários da história.

Hoje, como então, os mesmos assassinos, continuam a matar, a torturar e a prender a seu belo prazer com a conivência hipócrita dos governos ditos democráticos.

Até quando?

Todos juntos numa só corrente
No trabalho contra o capital
Camaradas lutemos em frente
Porque é nossa a vitória final

Viva a revolução socialista

Viva Che-Guevara

2 comentários:

Mariazinha disse...

Olá jota!
Obrigada por sentires a minha falta.
Na verdade tenho andado um pouco arredada destas andanças.Muito trabalho e falta de vontade de escrever.Hoje era quase impossivel não fazer um post em homenagem aquele que será sempre uma referencia de coragem e dedicação à luta daqueles que não têm voz.
Um abraço e hasta siempre...
( vou tentar escrever mais umas coisitas )

Mário Castro disse...

pela vitoria socialista

Vive Ché