a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

8 de outubro de 2007

REPRESSÃO NUNCA MAIS

Este governo e particularmente Sócrates, estão a tornar-se arrogantes, mal educados e com tiques a roçar o fascizoide.

Se bem nos lembramos, era Salazar que chamava comunista a tudo o que mexia, era o ditador e seus lacaios que proibiam tudo o que se relacionasse com a foice e o martela, ao ponto de proibir a importação de veículos suecos como o Volvo, por estes terem peças originárias nos países socialistas. Assim, os referidos veículos passavam por Espanha para lhes serem retiradas as tão odiadas e desnecessárias peças e substituídas por outras.

O ódio que estes “socialistas” de direita e da treta tem ao verdadeiro socialismo e a quem o defende é tanto que por vezes roça o ridículo.

Aquilo a que assistimos por parte das forças repressivas em presença ontem via TV em Montemor-o-Velho contra cidadãos indefesos, é, a meu ver, uma clara demonstração de um cheirinho a ventos pidescos de antanho.

Socialismo sempre, fascismo nunca mais

3 comentários:

Anónimo disse...

Boas... Hoje (09/10/2007) veio publicado um artigo no "Público" dando conta da acção de 2 agentes não fardados da PSP que retiraram de um gabinete sindical 2 comunicados sindicais, com informações relativas a um protesto contra o primeiro-ministro. Este tipo de acções por parte das autoridades reflectem a natureza fascista do Estado que se começa a instalar no sistema. Perante este tipo de acções não há petições que valham... Relembro que o pacote de leis laborais vai ser aprovado em breve... É preciso mais ACÇÂO. Bem haja. Liberdade Sempre. Eht Refrus (hextenz@hotmail.com)

J.Dias disse...

Hoje também (Rádio TSF) o Sr. José Magalhães secretário de estado (não sei bem de quê) afirmou que estas medidas são para não abrir precedentes e para poderem fazer o mesmo à extrema direita nazi. Este sr. deve estar a pensar que somos todos papalvos e engolimos as tretas dele. Para já, estes escarros dos nazis só existem porque os governos querem, a constituição da república é bem clara:

Artigo 46.º
4. Não são consentidas associações armadas nem de tipo militar, militarizadas ou paramilitares, nem organizações racistas ou que perfilhem a ideologia fascista.

ora, o dito sr. é parvo e quer fazer-nos de parvo. Admiro é os jornalistas não "obrigarem" estes tipos a darem respostas adequadas e objectivas e não contornarem as respostas, dizerem muita coisa, sem nada dizerem.

Anónimo disse...

Boas...isso das organizações e encontros fascistas, para mim, é a prova ipso facto, da conivência da república (quem por lá anda)com os fascistas. Cada vez mais penso que nunca acabaram, mas estiveram "escondidos", e começam a mostrar-se... porquê? Em relação aos jornalistas, quais jornalistas? Cada vez são menos e maus profissionais. O meu pai foi jornalista no "Diário de Notícias" há algumas décadas e eu "cresci" na redacção. Eu não reconheço a profissão hoje em dia...para grande pena minha. Pois sempre foi algo que eu considerava como uma "arma" para desmontar certas falácias. Hoje em dia a informação, contra-informação e desinformação é tanta que literalmente uma pessoa não sabe no que acreditar. Bem haja. Liberdae Sempre. Eht Refrus