a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

3 de janeiro de 2008

2008 - A FOME CONTINUA

Image and video hosting by TinyPic
Tenham vergonha.

Vão-se embora

Ridículo, vergonhoso e aberrante.

Este governo, ultra-capitalista, de extrema-direita a roçar o fascizoide, teve a pouca vergonha de aumentar as pensões do regime geral nuns míseros 2,4%.

Ou seja:
Quem aufere uma pensão de 230,00€/mês (cerca de 2 milhões de portugueses) o aumento é de 5,52€ .

Ou seja, 0,184€ / dia

Ou seja – 18 cêntimos

Ou seja – 36 ESCUDOS (NA ANTIGA MOEDA)

Pergunto a estes senhores:

Vocês por acaso sabem o que estão a fazer?
Vocês por acaso querem matar esta gente à fome ?
Com os aumentos já em vigor e outros na calha, como é possível que esta gente sobreviva?
Os senhores por acaso sabem quanto custa uma bilha de gás?
Sabem quanto custam alguns medicamentos que os idosos pobres são obrigados a comprar e a ficar a dever na farmácia?
Sabem quanto custa a electricidade?
A água?
E a renda de casa?
Por acaso sabem quanto custa uma simples costeleta do cachaço? ( as mais baratas)
E um quilo de batatas?
E o pão? (vai aumentar 30!!!!!!!!!!!%)
Se descessem do vosso pedestal e viessem contar os tostões no dia-a-dia como o povo (principalmente este povo) já podiam dar o real valor.

Acreditem, só lhes dava como castigo, a vossa mãe ou pai receberem de pensão durante um ano o mesmo pecúlio.

6 comentários:

Marreta disse...

Nem era preciso um ano, bastava uma semanita.
É vergonhoso. Continuam a gozar com os pobres deste país.
Com estes aumentos nem mais um papo-seco se consegue comprar por dia.
Entretanto os transportes sobem 4,5, 5 e 6%, os bens alimentares e tudo o resto idem.
Querem acabar com os pobres, não criando condições para que deixem o ser, mas condenando-os à miséria e liquidando-os à fome.
Saudações do Marreta.

Pinto disse...

Vergonhoso

Marreta disse...

Caro J. Dias,

só para dizer que não recebi nenhum mail teu, senão já teria respondido.
Verifica porque deve ter havido qualquer problema, não me chegou nenhum mail teu. Verifica e reenvia.
De qualquer forma a coisa está bem encaminhada mas gostava de arranjar mais uns "confrades".
Saudações do Marreta.

P.S-: Podes apagar este comentário.

Mariazinha disse...

Isto já não vai lá só com conversas
é preciso esclarecer os que ainda têm os olhos tapados ou por vergonha não querem dar a conhecer as condições precárias em que vivem.
Bjos e até 18/01

Savonarola disse...

Apoiado! Uma vergonha, estes aumentos. Tudo para "poupar" no maldito orçamento do Estado, para servir os senhores de Bruxelas. E, afinal, para quê? Para que estes senhores recebam uns quantos milhões de euros que o povo miserável nunca vai ver e eles andam - e falo com conhecimento de causa - a esconder.
Para os pópós e as mordomias. Isto não é fascizante, é Fascismo, como há muitas dezenas de anos não se via.
Venha daí novo 25 de Abril!
Um abraço, camarada

A. João Soares disse...

Amigos, eles não sonham nem pensam como é a vida dos mais carecidos de recursos. Pensam apenas neles e enchem-se de mordomias, carros novos, empregos para os familiares e amigos, etc e, daí, resulta que o famigerado défice, apesar do aperto dos cintos dos cidadãos, nunca mais desaparece, porque eles vão sugando os aumentos de impostos prãra benefícios próprios.
O dinheiro, vai sendo gasto com eles, os assessores, os contratados, os amigos que fazem estudos para justificar decisões já tomadas etc. Quantos milhares foram já gastos em estudos para o NAL (Novo Aeroporto de Lisboa); e quem fez esses estudos? de que partido são? quanto receberam? Não esquecer o caso do advogado que não cumpriu o contrato que fez com o ME que já tinha ficado caro, e que foi novamente contratado para o mesmo trabalho por um pagamento mensal éne vezes superior ao contrato anterior não cumprido!!!
E assim vai este rectângulo.
Abraços