a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista

9 de agosto de 2009

DUBAI, PARAÍSO PARA ESCLAVAGISTAS

Image and video hosting by TinyPic
imagem net
.
Com a conivência dos chamados países ocidentais, encabeçados pelos USA’s e UE o Dubai é o maior traficante de escravos do mundo.

Para além dos direitos humanos dos naturais ser uma miragem, nomeadamente os direitos da mulheres, o Dubai importa mão de obra escrava para se desenvolver, onde as grandes obras megalómanas, onde o absurdo das mesmas roça o aberrante, é feita por escravos.

Os principais países onde os exploradores se “abastecem” à cabeça vem a Índia, seguido do Paquistão e China. Os trabalhadores, oriundos de zonas pobres desses países, são recrutados por intermediários e enviados para o “paraíso” através de redes bem organizadas de piratas, onde governos e governantes não estarão isentos de culpabilidade.

Os trabalhadores ao chegarem ao Dubai são “enfiados” em quartos imundos onde pagam o equivalente ao salário que “recebam”, os passaportes são-lhes confiscados, para assim não puderem fugir ou regressar aos seus países. Muitos morrem de fome ou sede, outros preferem o suicídio.

Alguns activistas dos direitos humanos no Dubai estão impedidos de falar ou sequer comunicar através da internet, pois ao faze-lo a polícia política entra-lhe em casa e para além de lhes destruir a mesma e os equipamentos ainda os envia para parte desconhecida onde muitas vezes desaparecem sem deixar rasto.

Os governos dos países “exportadores” deste tipo de mão-de-obra sabem o que se passa, mas preferem manter o bom “relacionamento” institucional do que defender o seu povo.

Em que mundo estamos?

Que merda de gente é esta?
.

3 comentários:

Wilson Rezende disse...

É uma vergonha meu amigo, abraços.

mescalero disse...

Sensivelmente o mesmo que se passa por aqui:

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1395606&idCanal=62

Dizes bem "que merda de gente é esta?".

Ferroadas disse...

Caro Mescarelo

Ouvi hoje na TSF uma notícia sobre esta situação.

É uma vergonha para todos nós. Não tenho dúvida, as autoridades tinham de saber disto, só que fecham os olhos, os agrários exploradores fazem o que querem, uma tristeza.

Que merda de gente é esta que tal permite.