a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

1 de janeiro de 2010

MAIS UM ANO DE PODRIDÃO



Mais um ano que prevejo de enormes dificuldades para o Povo.
O grande capital continuará a manobra-nos, a explorar-nos e a humilhar-nos.
Enquanto isso, vamos servindo de cobaias aos donos do sistema vigente, perante a inoperância de quem se diz defensor dos mais desprotegidos. Enquanto isso, a corrupção e quem a apoia irá continuar,  o capitalismo e seus lacaios vão gozando a seu belo-prazer, a precariedade vai enchendo os bolsos a Belmiros e afins, o desemprego irá aumentar para gáudio das multinacionais exploradoras; vigaristas e pedófilos continuarão sem julgamento, os políticos continuarão incompetentes, os deserdados do sistema continuarão na penúria, os pensionistas continuarão a passar fome, enfim, o sistema vigente continuará pujante.   
Não vou em cantigas (espero que os meus amigos também não)  espero actos e não palavreado, espero acções concretas e não desfiles pela Av. da Liberdade, quero agitação popular e não palavras ocas. Sabemos que sindicatos e partidos do sistema não têm coragem, então, só o Povo o poderá fazer.
Vamos a isso. 
Viva a revolução Popular

4 comentários:

Marreta disse...

Acrescentava aí na parte de cima o "amigo" Van Zelina, expoente máximo da escravatura moderna. E na parte de baixo, o desgraçado do cónego madeirense que por criticar a pobreza e desigualdade social na missa foi desterrado com a ajuda do governo regional.
Como vês o ano começa "bem", igual ao anterior...

Saudações do Marreta.

mescalero disse...

Não é preciso ser a Maya para prever que as dificuldades vão continuar. Mas se isso é preocupante, também é preocupante a dificuldade que a resistência encontra perante os avanços da sociedade hiper-mercantilizada e controlada com o subtil punho de ferro da propaganda. Os que querem um mundo melhor têm que deixar de se auto-iludir com esperanças de melhores políticos e menos corrupção porque isso é do domínio da ficção e das histórias de embalar. Tens razão, são as pessoas, somos nós, que temos de exigir muito mais e organizarmo-nos para o conseguir. Sem ilusões.

abç

Estafermococus disse...

Também espero novas lutas, mas o povo anda a pensar mais nos saldos. É preciso muita força, pois os novos tempos vão continuar a ser maus para os portugueses.

Pata Negra disse...

Fica descansado! Não te preocupes com 2010! Está tudo a ser tratado!
Amanhã mesmo vou ter umas reuniões de trabalho!
Um abraço e viva o PS(D)