a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

29 de janeiro de 2011

O POLVO

Listagem de ofertas anos: 2002, 2003, 2004, 2005, 2006 e 2007. AQUI 

Esta semana, várias figuras, diria antes figurões da nossa praça, foram testemunhar ao tribunal sobre o processo "Face Oculta". Entre eles esteve o ex. presidente Jorge Sampaio e o ex. ministro da finanças de Cavaco, Eduardo Catroga. O que saltou imediatamente à vista foram as declarações patéticas de ambos, não está aqui em causa a amizade que une esta gente (sempre digo que com amigos destes.....), o que mais me indignou foram as suas declarações, ou seja ambos disseram que "receber prendas é uma coisa normal", "relógios e canetas nunca compro", "o que recebia dava para encher uma sala", entre outras tiradas.

Primeiro,  enquanto governante, administrador da coisa pública ou funcionário do estado,  nunca poderiam dar azo a receber prendas de quem quer que fosse, prenda recebida era prenda recambiada ao remetente, com um simples aviso: não volte a repetir a "amabilidade", é assim que precede gente séria.  

Agora vir afirmar que é "normal" receber prendinhas sem "importância" e foi sempre norma, é uma falta de ética e respeito pelos outros, para além de poder suscitar desconfianças graves que quase sempre descamam em actos corruptos.

O maior problema do país é, sem dúvida, a corrupção e o compadrio,  que têm efeitos dramáticos em toda a sociedade. 

Como se pode pedir a cidadãos honestos e fora do sistema vs esquema que confiem na "classe" política?

3 comentários:

Pata Negra disse...

O pior não é eles acharem normal, o pior é eles estarem convencidos que devem ser tomados como exemplos a seguir! Esses narizes de venta arregalada nunca me enganaram! Eu quero que o sampaio e o catroga se casem!
Um abraço dominical

Karocha disse...

Ferroadas

Caro amigo, penso que o povo já se esqueceu de como se amanha o POLVO, eu não!
É fácil e rebenta-se com ele num instante.
Ainda não perceberam o problema da tinta preta...

donatien alphonse françois disse...

A cabeça parece trocada...ou é um senhor das mil caras.