a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista
a desobediência é a verdadeira base da liberdade, os obedientes são necessariamente escravos

29 de maio de 2008

SENHAS DE RACIONAMENTO (VOLTARÃO?)

Image and video hosting by TinyPic
Racionamento, será possível??

A palavra racionamento, faz-me recuar a tempos, que, pensava eu, jamais se repetiriam no meu país.

A palavra tem vindo ultimamente a ganhar contornos de actual, de mediática, eu prefiro chamar-lhe cruel.

Mas afinal que têm feitos estes “governantes” ? - NADA

Com o Alentejo às moscas, o abate da nossa frota pesqueira e a restante agricultura entregue a latifundiários de antanho que a querem destruir a todo o custo, Portugal limita-se a importar alimentos para engordar grandes intermediários capitalistas, ficando o povo à sua mercê.

Juntando a tudo isto, temos tido governantes incompetentes, corruptos e inimigos do povo a que dizem pertencer.

Como é possível Portugal ter actualmente cerca de DOIS MILHÕES DE POBRES, o número aumenta diariamente, e não ter-mos da parte de quem nos “governa” um simples sinal de que algo estão a fazer para inverter a situação, o desemprego aumenta, a precariedade idem, e só os ouvimos dizer que está tudo controlado e nada de alarmismos….
Como é possível voltar a falar-se (como se fosse a coisa mais banal) em racionar este ou aquela bem alimentar?
Não sentem sr’s “governantes”, vergonha por terem o vosso povo a passar fome?
Não vêm que foram incompetentes e inúteis durantes os últimos 32 anos?
Não vêm que as políticas que seguiram, apenas engordaram os capitalistas e a vocês mesmos?
O povo sente-se traído e enganado, revoltado até, pois não tem confiança nos "governantes" que tem.
Por isso, só lhes resta uma solução: demitam-se e entreguem o poder ao POVO.

Continuamos (infelizmente por muitos anos) a ser o cú da Europa, estes tipos só se interessam pelas suas mordomias, reformas e afins, nós não passamos de meros números.

O que se está a passar em Portugal e no Mundo
é a falha completa do sistema neoliberal e capitalista.

Temos que arranjar alternativas, já demos mostra que somos capazes, basta para tal unirmo-nos e mobilizarmo-nos.

Levantamento Popular JÁ

2 comentários:

CRN disse...

Se utilizarmos a teoria de Ruth Benedict, os Portugueses devem antes conhecer-se, social, ética ou históricamente.
Considerando Freud, fundamentalmente desde o aspecto etnológico, só eliminando os totens que sobreviveram ao 25 de Abril, aqueles que continuam no governo, poderemos curar esta intoxicaçao dos sentidos ou promover a utilizaçao da condiçao de cidadaos.

Desde que o ministro assevera que o "peixe nao faltará", evitando a solidarizaçao da populaçao com os pescadores, obrigando -à custa destes últimos- o Português a comprar pescado Português, capturado por espanhóis, com uma frota moderna, combustiveis mais baratos, subsidios do estado e muitos trabalhadores emigrantes Portugueses que emigram para obtêr uma compensaçao, pelo seu trabalho, menos miserável que no seu país.
Aceitando anúncios que só têm como objectivo amedrontar a populaçao e mermar a sua capacidade reivindicativa, como que, 3 forças da ordem, asae, finanças e sef, passarao a vigiar as fronteiras na tentativa de impedir que atestêmos os depósitos em Espanha ou acreditando que os 4 milhoes de euros atribuidos a uma empresa privada para investir na Galiza, sao medidas de robustez económica e que derivarao em qualquer reposicionamento do estado Espanhol.
Só nos resta juntar a nossa voz aos milhares de Portugueses que no dia 5 de Junho se manifestarao contra a degradaçao dos direitos obtidos durante o PREC e a favor da reformulaçao ou reponderaçao da filosofia utilizada durante os 33 últimos anos.

CRN

Zorze disse...

Nos dias de hoje já não se distribui senhas de racionamento. O Povo auto-raciona per si.
Vejo e converso todos os dias com muita gente. O auto-racionamento já aí está em força.
A corda vai partir, e, cheira-me que não falta muito tempo.

Abraço,
Zorze