a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista

25 de abril de 2011

25 de Abril Sempre



 Mais AQUI  -  AQUI  -  AQUI  -  AQUI

".....existem estados, fascistas, socialistas e o estado a que isto chegou, quem quiser vem comigo para Lisboa e vamos acabar com isto....."

Hoje, 25 de Abril de 2011 homenageio na figura ímpar de Salgueiro Maia, todos os que lutaram para que a Liberdade fosse possível. 

Numa altura em que a reacção ultra-conservadora travestida de liberal, se prepara para voltar a ditar as suas leis, a coragem e determinação de Salgueiro Maia deve-nos servir de mote para as lutas que se avizinham.

Portugal está entregue a gente sem vergonha e sem carácter, os corruptos vegetam a seu-belo-prazer, a vampiragem do FMI e do BCE preparam-se para nos sugar o sangue, a burguesia partidária nada faz, Portugal precisa de acções concretas e objectivas e não a retórica reinante. 

O 25 de Abril de 1974 foi a esperança, foi o acordar de um longo pesadelo, criaram-se expectativas legítimas. Com o decorrer do tempo, essas expectativas foram-se desmoronando, fascistas e capitalistas regressaram mais activos e sedosos de vingança, Portugal regrediu, o Povo viu aos poucos o regresso a tempos idos, a tempos sem esperança, sem futuro.     


Não podemos deixar que nos roubem Abril, que o deturpem e esqueçam, o 25 de Abril foi um golpe de estado, faltou fazer a revolução, ainda estamos a tempo....


Viva a Liberdade
Viva o 25 de Abril
Viva o Poder Popular

Sem comentários: