a humanidade só será LIVRE, quando o último corrupto for enforcado nas tripas do derradeiro capitalista

1 de janeiro de 2012

A MALA DE CARTÃO


2012 está aí, com ele chega mais tristeza, amargura, fome, miséria, para além de mais desemprego (segundo os mais optimistas no final do ano chagarão aos NOVECENTOS MIL), da precariedade (já são cerca de DOIS MILHÕES). 

Enquanto isso os carros e iates de luxo,  moradias acima dos UM MILHÃO DE EUROS, etc., esgotam (sinal que os ricos são-no cada vez mais). Que sociedade esta, onde a fome grassa e a seu lado prolifera o luxo e o desperdício. 

2012 será o ano da debandada geral, onde os fantasmas dos anos 50/60, quando os portugueses fundaram Champigny o maior bairro de lata de França, estão mais do que nunca na mente destes governantes incompetentes. Aliás, é o próprio Passos Coelho que o fomenta e incentiva.

Portanto, para a maioria dos portugueses, nomeadamente os mais jovens, a solução será mesmo ir ao sótão, pegar na velha mala de cartão e zarpar. 

Ou, a única solução que temos é a de mudar radicalmente o actual sistema, alterar a forma e o conteúdo, mudar, mudar a lógica mercantilista da sociedade, sermos activos e chamados sempre que seja necessário a dar opinião, fazermos parte integrante da solução e nunca do problema. 

Desejo-vos um 2012 possível.

Sem comentários: